[RP] Let The Anger Out!

Ir em baixo

[RP] Let The Anger Out!

Mensagem por Nimeria Martell em Seg Mar 10, 2014 9:50 pm

Dados da RP

Participantes: Nimeria e Arienne Martell
RP: Fechada
Dia: Noite com temperatura quente

_________________
avatar
Nimeria Martell
Rainha
Rainha

Mensagens : 122
Idade : 22
Data de inscrição : 12/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] Let The Anger Out!

Mensagem por Nimeria Martell em Seg Mar 10, 2014 9:55 pm



“Que os Outros o carreguem”




Essa frase tinha lhe rendido uma discussão com seu pai. O príncipe Daaharios havia esperado que Nimeria fosse instalada em seu quarto e se encontrava sozinha para ralhar com ela. A discussão não tinha sido tão agressiva, ele apenas a repreendeu pelo que havia dito e também para tomar cuidado com o que dizia, uma vez que todos sabiam que as paredes da Fortaleza Vermelha tinham ouvidos. A princesa compreendeu seu erro, mas não por isso se arrependeu do que havia dito. Estava furiosa com seu futuro marido. O escárnio com que a tratou a magoara profundamente. Não que Nimeria fosse orgulhosa demais igual sua irmã era. Não, a princesa era até flexível em certas ocasiões, apenas era uma mulher apaixonada e ser tratada com pouco caso pelo homem a quem sempre amou secretamente a ferira muito. Tinha fantasiado seu encontro com Orys por longos anos a fio e em nenhum deles o Rei a tratava daquele jeito. Mas tinha que encarar a realidade. Não mais tinha idade para sonhar com vidas perfeitas e um marido amoroso.

Não tinha tocado na comida. Sua criada que trouxera de dorne terminava de trançar seus cabelos enquanto a criada que ganhara de Orys observava para aprender como Nimeria gostava que ficasse seus cabelos. Meinstre Aemon jurara que a criada fora escolhida pelo Rei para agradar sua futura Rainha, mas Nim sabia que aquilo não passara de um conto do velho meinstre para tentar amenizar tudo entre a Martell e o Baratheon. Mas não podia mentir para si que seu coração deu uma palpitada com o pensamento de que pudesse ser verdade.

Aguardava sua irmã para conversar sobre o ocorrido. O príncipe de Dorne fora jantar com o Rei e sua Mão, enquanto sua mãe e Arienne tinham ido jantar com a comitiva dornesa, juntamente com meinstre Aemon. Como castigo, Nimeria tinha sido restrita a seus aposentos pelo pai, mas para todos ela se encontrava indisposta. Dizer que a futura Rainha e herdeira de Dorne estava de castigo não parecia algo apropriado. Esperou impacientemente por sua irmã, enquanto tudo o que tinha acontecido mais cedo rodava sem parar em sua mente, dando apertos em seu coração. Gostaria tanto de ter tido um momento feliz com Orys, que os olhos dele se iluminassem quando a visse... mas não.

Que os Outros o carreguem!



 Coded By @Lilah!

_________________
avatar
Nimeria Martell
Rainha
Rainha

Mensagens : 122
Idade : 22
Data de inscrição : 12/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] Let The Anger Out!

Mensagem por Arienne Martell em Qui Mar 27, 2014 6:45 pm


Ele não vale todas essas lágrimas que não vão embora

Rei Orys permanecia extremamente sério, não demonstrava nenhum traço de felicidade e Arienne começou a achar que, ou ele estava com uma tremenda dor de barriga ou então ele seria uma tremenda dor de tudo. Dor de barriga, dor de cabeça, daria dos nos olhos de tanto revirá-los só por ter que aturar sua presença e ele parecia ser tão sério o tempo todo, tão chato que até o cabelo de Arienne iria começar a dor. Urgh!

E isso era ainda pior porque ele demonstrava todo aquele tédio quando tinha Nimeria ali, bem na sua frente. Ele deveria estar contente, jamais encontraria uma mulher tão linda, corajosa e destemida como Ni! Nem que procurasse nos Setes Reinos iria encontrar uma futura Rainha tão perfeita como a que ele tinha e comportavasse daquela maneira? Ah, era em momentos assim que a jovem dornesa tinha vontade de surtar e tacar suas facas em alguma coisa.

Depois de poucas palavras, que ela interpretou todas como sendo uma grande mentira, ele simplesmente se retirou. Assim, sem mais nem menos. Que se danasse o fato de que ele era o Rei dali, ele deveria ao menos demonstrar um pouco de educação. Seriam os seus hóspedes e ele era o anfitrião, onde estava a hospitalidade da Corte Real? Grande Rei dos maus modos era esse Orys II.  Esperava ao menos que sua doce irmã não estivesse se chateando tanto com aquelas ações do homem, não queria que ela sofresse por alguém que obviamente não a merecia.

Quando a porta se fechou atrás de Orys, tudo o que Arienne gostaria de poder fazer era dar um grande abraço em sua irmã, mas não queria passar a imagem de fraca para ninguém. Sua irmã logo iria comandar tudo aquilo e não seria bom que achassem que a pobre Nimeria precisava de um abraço de sua irmãzinha porque não fora tratada de um jeito mais civilizado. Limitou-se a concordar com a irmã, tentando manter-se o mais séria e centrada possível, porém toda a sua encenação se perdeu quando os dizeres de Ni.

É claro que isso lhe custou um bom sermão dos princípes de Dorne quando já estavam todos devidamente instalados em seus aposentos. Sinceramente? Ari nem prestou atenção no que os seus pais diziam, apenas queria se livrar de uma vez por todas daquele teatrinho e poder odiar Orys sossegadamente no seu cantinho. Depois de ficar sozinha, comeu um pouco e se jogou na cama. Não havia sido liberada para sair. Isso tudo porque tinha rido da frase de sua irmã e é claro, o erro de sua irmã aparentemente havia sido bem pior e Ari também ficaria de "castigo" para incobrir os maus modos de Nimeria.

Não que Arienne se importasse com isso, jamais. Abriria mal de qualquer evento para apoiar a sua irmã.

Foi se esgueirando até onde a sua irmã se encontrava, observando cada canto para ter certeza de que não havia mais ninguém por perto. Odiava pessoas que se esgueiravam, que ficavam de butuca e faziam fofocas e intrigas. Por isso, quando se certificou de que não havia mais ninguém, abriu a porta do quarto onde sua irmã se encontrava e pediu para as criadas que as deixassem um pouco.

Esperou um tempo e então começou a rir e se jogou onde sua irmã se encontrava. - Que os Outros o carreguem? - Perguntou sussurrando para que não a escutassem. Paredes tem ouvido, como disse o príncipe Daaharios. - Nem eu teria pensando em algo tão genial assim para dizer. - Olhou para sua irmã e logo todo o sorriso se desfez. - Ah, Ni, não fique assim. - Ajeitou-se para poder abraçar forte a sua irmã. - Orys não merece que você sofra por ele. Ele nem é tão bonito assim. - Afagou os cabelos da sua irmã e depois deu um sorriso sem graça. - Tá, ok, eu admito. Talvez ele seja um pouquinho bonito, mas assim assim.

Estavam em um lugar em que não conheciam, que não tinham amigos e ainda por cima estavam de castigo, restritas aos seus aposentos. Se ao menos pudessem sair... Ari levaria Nimeria para dar uma volta, tentar fazer com que a outra se distraísse e pensasse em qualquer coisa que não fosse sobre o Rei.

Thanks Winter!


avatar
Arienne Martell
Princesa
Princesa

Mensagens : 109
Data de inscrição : 17/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] Let The Anger Out!

Mensagem por Nimeria Martell em Qui Mar 27, 2014 8:54 pm



“Que os Outros o carreguem”



Sua irmã a abraçou e Nimeria não conseguiu segurar algumas lágrimas teimosas. Secou-as antes que manchassem seu rosto todo. Devia manter a aparência em Porto Real. Mesmo que ali agora fosse sua casa, achava que nunca poderia estar a vontade como sempre estivera em Dorne. Ah Dorne... como já sentia saudades de lá...

- A Ari... – sorriu com a tentativa da irmã de animá-la. – Ele é muito bonito sim. Está mais bonito do que quando criança, mas esperava-o mais... mais amistoso ao me ver. Nunca fui esnobada por um homem Ari e você sabe. Eu é que sempre os cortei porque só tinha olhos para aquele lindo garotinho Baratheon que conheci. Poxa, nunca beijei ninguém esperando ser completamente donzela para ele. E você sabe como é complexo ser intocada em Dorne – Dessa vez sorriu cúmplice – E tudo para que? Para chegar aqui e ser tratada como uma lady qualquer filha de um lorde qualquer? Mesmo que eu fosse isso, agora sou a futura Rainha de Westeros. A futura esposa dele. Mereço mais que um olhar gélido.

Agora Nimeria estava com raiva. Lágrimas já tinham sido esquecidas e ela se levantou, agitando os cabelos como sempre fazia quando estava nervosa.

- Se este homem pretende ser hostil assim comigo, vou tornar bem difícil ser tão gélido assim. Honrarei o nome de Dorne quando dizem que fomos sedutoras e provocadoras. Quero ver até quando Orys vai me olhar com aqueles olhos frios como a Muralha.

Olhou-se no espelho para ver se seu rosto estava vermelho. Os olhos estavam voltando para o tom mel que tinha então ficou mais aliviada. Caminhou até a janela e olhou para fora.

- Ari... o que você achou de Porto Real? Vai mesmo querer me fazer companhia quando nossos pais forem embora?

Sabia que a irmã amava Dorne muito mais que ela. Nimeria era mais livre, aventureira. Arienne amava sua terra com muito fevor. Via no rosto dela que Porto Real não a agradava assim como também não deixava Nimeria confortável. Nada era tão bom como estar em casa e nem nunca seria.



 Coded By @Lilah!

_________________
avatar
Nimeria Martell
Rainha
Rainha

Mensagens : 122
Idade : 22
Data de inscrição : 12/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] Let The Anger Out!

Mensagem por Arienne Martell em Dom Mar 30, 2014 6:33 pm


Ele não vale todas essas lágrimas que não vão embora

Suspirou profundamente, sabia muito bem que tudo o que a sua irmã dizia era a mais completa e pura verdade e sentia-se mal por isso, sentia-se mal por ela e tudo o que queria era fazer mal para Orys. Ser rei não lhe dava esse direito e ele iria aprender que não se mexe com os Martell. Nunca. Só não fazia ideia do que poderia fazer, era apenas a filha do príncipe Daaharios, em uma terra desconhecida, não havia ninguém para fazer o trabalho sujo por ela.

- Nunca entendi essa sua escolha. - Revirou os olhos. Elas eram as princesas de Dorne e Dorne era conhecido pelo calor de seus habitantes, todos sabiam como as pessoas dessa terra eram e como se comportavam, mas aí Nimeria simplesmente escolhia agir diferente por causa de um garoto que havia visto uma única vez e a distância. Ao menos Arienne havia aproveitado um pouco, não como outras pessoas, é claro, ainda era uma princesa e não tinha conseguido fazer de tudo por aí. - Digamos que... Eu aproveitei por você, Ni. - Comentou entre sorrisos.

Não sabia se um dia iria voltar para a sua terra natal e estava feliz por saber que havia aproveitado os seus dezesseis anos lá.

Olhou Nimeria com os olhos semicerrados. Aquela ali bem à sua frente realmente era a sua irmã? Ela realmente havia ficado tão sentida para dizer essas coisas e mais ainda, havia ficado tão sentida com a estúpida atitude de Orys para mudar as suas atitudes? Arienne, é claro, não fazia ideia, a única coisa que podia fazer era esperar e estava anciosa para ver no que aquilo iria dar.

Levantou-se também e deu pulinhos de felicidade enquanto batia as mãos, extremamente empolgada. - Não sou uma das mais experientes, mas... - Sorriu um pouco travessa para a jovem enquanto se lembrava de suas pequenas aventuras. - Eu posso te ajudar no que quiser, dar alguns conselhos. Nada demais, apenas algo para provocá-lo. - Se Nimeria estava determinada a ser uma dornesa como as demais, deveria receber alguns conselhos, pois nunca fora como as demais. Deveria aprender a se portar e postura corporal era tudo numa conquista.

A sua felicidade sumiu um pouco. Bem, o que tinha achado de Porto Real? Sinceramente? O lugar era tão cheio, tão cheio, os moradores eram tão barulhentos que fazia a jovem sentir saudades das suas amiguinhas peçonhentas. Deu de ombros para Ni e se esforçou para não fazer nenhuma careta. - Não é o melhor lugar do mundo, mas também deve haver coisas piores por aí. - E ao menos não iria morar nos becos, numa rua qualquer, tendo ratos como companheiros e poças de mijo como confidentes.

Dorne... Ah, Dorne era... O que sempre conhecera, o seu porto seguro, mas o seu lar sempre poderia mudar. Lar é com quem voce está, e não onde você está. - Já decidi, minha irmã. Eu não vou deixá-la aqui sozinha. Sei que está acostumada a lidar com cobras, mas isso... - Arienne estendeu os braços e girou onde estava, querendo demonstrar que se referia a todo o lugar, não apenas a Porto Real, mas também a nova vida que Nimeria iria ter. - Isso aqui é pior. E nós temos que cuidar uma da outra. - Piscou cúmplice para Nimeria.

Mas não era o momento para se falar disso, o casamento ainda viria, só então os príncipes de Dorne iriam embora. Até lá tinha tempo, não muito e Ari sabia disso, mas não queria sofrer em antecedência. - Por hora, vamos nos focar em seu plano, certo? - Mordeu o lábio inferior pensativa. O que sua irmã poderia fazer para chamar a atenção do Rei Orys? Ele era Rei, pegá-lo sozinho seria difícil e não seria muito bom ficar se esgueirando por aí atrás dele. Ele poderia interpretar isso do jeito errado. - Esqueça o seu lado bom. Coração frágil não vai ter espaço aqui. Você é a futura Rainha dos Sete Reinos e mais o que isso, você é uma mulher que está na luta para conquistar o homem que ama.

Que o Rei não a visse em seu pico de raiva. Não há fúria nos céus que se compare com uma mulher rejeitada.

Thanks Winter!


avatar
Arienne Martell
Princesa
Princesa

Mensagens : 109
Data de inscrição : 17/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] Let The Anger Out!

Mensagem por Nimeria Martell em Sex Abr 04, 2014 5:23 pm



“Que os Outros o carreguem”




Riu com a irmã quando ela lembrou-lhe que as duas eram bem diferentes quando se tratavam de se manterem puras. Claro que Ari era donzela ainda, mas uns beijos em alguns rapazes dorneses não matava ninguém.

- Você não foi boba minha irmã. Aproveitou bem seu tempo em Dorne. – piscou para ela, entre risadinhas - Eu também aproveitei, mas de outras formas. Fui boba para me privar de beijos. O que beijos podem fazer para arruinar o nome de uma donzela, não é mesmo? – deu-se de ombros. Em Dorne, aquilo não era nada. – Nunca deveria ter me recusado a tantos que correram atrás de mim, mas era nova e boba, apaixonada por alguém que claramente não é o príncipe encantado.

Lembrar-se de Orys era conflitante em sua cabeça. Uma hora via o garotinho lindo e valente, participando do torneio. Outra via o homem que era agora o Rei, frio e despachando. Se coração clamava pelo Orys de sua infância. Mas largou isso de lado e concentrou-se em sua irmã. Queria um momento discontraído com ela. Voltou a sentar na cama, de frente para a irmã e apertou-lhe suas bochechas com carinho, encostando seus lábios levemente nos dela, como elas e a mãe faziam em sinal de carinho e depois segurou suas mãos.

- Você é a melhor irmã do mundo Arienne Martell. Obrigada por ficar aqui comigo. Alegra-me ter sua presença aqui. Você e eu daremos mais vida a essa Fortaleza Vermelha. Mas vamos logo ao que interessa. – deu outro risinho cúmplice – Lembra-se que a nossa mãe ensinou-me alguns truques para agradar meu futuro marido? – Era normal que as mulheres fossem educadas para tal fim. - Pois bem, como você sabe, por que sei que você escutava tudo atrás da porta está bem? – piscou brincalhona - Mamãe me ensinou bem e por causa dela hoje chamo atenção dos rapazes, mas algo ficou faltando Ari.... Algo que ela nunca me ensinou por achar que eu sabia.... – Nimeria não costumava corar. Era sempre ou muito charmosa ou muito nervosa, mas estava com as bochechas vermelhas no momento - Eu não sei beijar minha irmã... – falou num sussurro, constrangida. – Não sei como poderei aprender isso Ari e não posso decepcionar Orys novamente, ainda mais em nossa noite de consumação do casamento. Eu não tenho muito tempo para aprender...

Parecia uma preocupação boba, mas era importante uma mulher saber agradar ao marido para que ele não procurasse rameiras e tivesse bastardos. Sem contar que era implícito que uma dornesa soubesse agradar e Nimeria aprendera o que precisava saber, menos a beijar. Só de pensar que poderia desagradar Orys...não. Isso não poderia acontecer.

- Ajude-me irmã. Como vou aprender isso?


 Coded By @Lilah!

_________________
avatar
Nimeria Martell
Rainha
Rainha

Mensagens : 122
Idade : 22
Data de inscrição : 12/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] Let The Anger Out!

Mensagem por Arienne Martell em Dom Abr 06, 2014 8:33 am


Ele não vale todas essas lágrimas que não vão embora

Sentiu-se grata e extremamente feliz pelos elogios de sua irmã. Bem, ela também era a melhor irmã do mundo; talvez fosse algo como uma qualidade, quase um bônus de ser Martell. Mas muito mais do que qualquer laço de sangue que unia as duas jovens, elas eram confidentes, melhores amigas e isso jamais mudaria, nem que se casassem, mesmo com Reis e Porto Real entre as duas, nada as afastaria.

Ao ver que o assunto entre elas estava mudando e que começariam a falar do que era importante, Arienne resolveu deixar de gracinhas e focar a sua atenção no presente e sem querer, acabou rindo um pouco. Bem, o que poderia dizer? Morava em Dorne, afinal de contas e também queria saber como agradar um homem; quando mais nova, achava uma grande bobeira - para não falar uma enorme injustiça - que sua mãe só quisesse ensinar Nimeria.

Tudo bem que a outra era dois anos mais velha e obviamente iria se casar primeiro, mas hey! Ari também tinha todo o direito de saber, de já ir se preparando... Então, se ninguém queria lhe contar, porque ela era nova demais ou por qualquer outro motivo, ela teve que aprender a como descobrir sozinha. Nem que fosse ouvindo por de trás da porta.

Havia valido a pena, é claro, e era isso o que importava.

Surpreendeu-se ao ver o rosto de sua irmã ficando cada vez mais rubro. Aquilo sim era uma novidade na vida da jovem Martell. Nos primeiros cinco segundos tinha se assustado ao ver sua irmã daquela maneira, mas quando descobriu o porque daquilo, achou estanhamente fofo e quis abraçar Nimeria com força. Sua adorável irmã era sempre tão doce, suave, meiga e pura que Ari sentia-se mal por ser tão o oposto.

- Mas é só isso, minha irmã? - Perguntou entre risos. Se fosse algo simples assim não haveria problema algum. - Desculpe-me por rir, mas achei que fosse algo mais... Complexo. - Fitou a morena que estava na sua frente, precisava decidir o que iria fazer a seguir. - Eu vou te ajudar com isso, mesmo que não me agrade que você esteja tão aflita sobre esse Rei. Mas você realmente precisa aprender isso e antes tarde do que nunca.

O que estava pensando não era pecado, não podia ser, certo? Eram as princesas Martell, de Dorne, e lá isso era realmente comum, as pessoas, as irmãs, faziam isso. Arienne também poderia fazer, independentemente do título que tivesse. E se fosse errado... Ficaria apenas entre quatro paredes e ninguém além das duas jovens ali iriam ficar sabendo. - Preste atenção. Só há uma forma de aprender isso e é na prática. - Pegou a mão de sua irmã entre as suas e olhou-a nos olhos. Poderia ficar ali falando um bom tempo sobre como era beijar, o que era útil, o que era bom ou não fazer, o que os homens gostavam, como eles reagiam - como o corpo deles reagia - e o barulho que faziam. Mas sinceramente, isso ou só iria apavorá-la ou então não iria ajudar em nada.

- Não se preocupe com o que vai acontecer e respira fundo agora.
- Não queria matar a sua irmã de susto. - As coisas vão fluindo gradativamente. E agora eu vou mostrar como se faz minha irmã. - Se Ni havia captado a mensagem ou não, Arienne não saberia dizer, mas não tinha certeza se ela iria concordar com Ari quando descobrisse do que a mais nova estava falando.

Aproximou a sua face da de sua irmã, fechou os olhos e selou os seus lábios. A mais velha estava um pouco dura, fosse por vergonha, susto ou porque não sabia o que fazer; foi abrindo sua boca aos poucos, esperando que o seu gesto fosse imitado e quando notou que Ni a imitava... Ari tratou de fazer o resto, sempre cuidado, com movimentos leves para não assustar a mais velha. Acariciou-lhe os cabelos e depois de um tempo se separou sorrindo. - Bem, é mais ou menos assim. E desculpe pelo ataque, é que ficar falando não iria te ajudar em nada.

Thanks Winter!


avatar
Arienne Martell
Princesa
Princesa

Mensagens : 109
Data de inscrição : 17/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] Let The Anger Out!

Mensagem por Nimeria Martell em Dom Abr 06, 2014 12:56 pm



“Que os Outros o carreguem”



Nimeria se assustou bastante com a ação da irmã. Já tinha pegado no ar o que ela faria, mas não deixou evitar assustar. E ainda bem que tinha feito isso com a irmã, uma pessoa que amava e que sabia que nunca caçoaria dela por fazer algo errado.

Já tinha dado beijos na irmã, mas apenas roçar de lábios que era algo comum entre elas e a mãe. Uma forma de carinho bem normal em Dorne, mas nada parecido com aquilo que Arienne fez com ela. A princípio fora meio resistente, por não saber como agir, mas depois se deixou levar. Quando o beijo terminou, tinha um sorriso na face e seus olhos estavam iluminados. Levou uma mão até os lábios e olhou para a irmã.

- Isso é muito bom! – seus grandes olhos cor de mel estavam bem abertos. Levantou-se de súbito – Preciso encontrar Orys agora e ver se beijá-lo assim também é bom. – Mas parou na porta e voltou, rindo de si mesma – Eu posso fazer isso! O que estou pensando minha irmã???

Disparou a rir e jogou-se na cama, deitando. Seus cabelos espalharam-se, brilhantes. A garota ficou contemplando o teto do seu quarto e depois olhou para a pequena irmã.

- Ah, não se desculpe por nada. Eu que devo agradecer Ari. Você é sempre tão maravilhosa comigo e sempre faz tudo para me ajudar. Mas esse beijo fora suficiente para ver como é. Obrigada minha querida.

Um toque na porta as fez calar. Nimeria mandou que entrasse e era apenas sua mãe, que vinha mandá-las irem deitar.

- Claro mãe, já estamos indo. – Olhou para a irmã – Ari, você dorme comigo aqui hoje?


 Coded By @Lilah!

_________________
avatar
Nimeria Martell
Rainha
Rainha

Mensagens : 122
Idade : 22
Data de inscrição : 12/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] Let The Anger Out!

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum